José Celso Garcia e a busca do progresso com organização e planejamento

Turismo, capela nhá chica
A história é feita pelas pessoas que conhecemos. Isto parece muito óbvio para ser relevante. No entanto, é muito verdadeiro. Vemos a história ser feita, mas ela nos parece muito lenta para ser digerida. No início da década de 80, por exemplo, o desenvolvimento da cidade de São Lourenço começou a ser pensado do ponto de vista de planejamento da urbanização, da ocupação demográfica, do turismo, da economia e da sustentabilidade. O ex-prefeito José Celso foi talvez o primeiro político de São Lourenço que pensou no crescimento urbano e social de forma organizada. Até então administrar não exigia criatividade, bastava arrecadar, pagar as contas e fazer o que desse para fazer. As ruas de São Lourenço eram praticamente todas no barro. Bastava também receber os turistas que vinham espontaneamente visitar a cidade. Agora é preciso fazer um trabalho para que eles não desapareçam. Precisamos conservar esse espírito visionário que começou a impulsionar a política nos anos 80. Administrar está cada vez mais caro, pois a urbanização é mais complexa. Construir o Anel Rodoviário 2 não é o mesmo que calçar uma rua. Mas é um projeto que está na fila esperando a vez. O futuro de São Lourenço está em nossas mãos. Nós fazemos a história. 

Por Marco Aurélio Dias
Compartilhe esta notícia

Anúncios Dentro das Postagens